Turnover: O que é, como calcular e dicas para o seu cliente reter talentos

Entenda como fazer o cálculo do TurnOver e o ajude a melhorar a gestão de pessoas

10 de setembro de 2019

Você já ouviu falar do índice de TurnOver? Dentro da perspectiva dos recursos humanos ele é o dado que mede, em porcentagem, a quantidade de vezes que um  colaborador é substituído por outro dentro de uma organização. 

Um índice de turnOver alto indica que muitos funcionários estão saindo da empresa e isso pode gerar baixa de produtividade. Sendo assim, saber esse dado é importante para criar ações para melhorar a gestão e reter os funcionários.

Portanto, hoje vamos te mostrar como calcular o índice de rotatividade da empresa do seu cliente e identificar possíveis problemas de gestão. Vamos nessa? 

Mas afinal, porque o contador precisa saber o índice de TurnOver do cliente?

Entender como calcular esse índice, pode ser uma forma de prestar novos serviços para o seu cliente e agregar valor ao seu trabalho. Uma pesquisa do Sebrae aponta que os clientes estão dispostos a pagar mais, se enxergarem valor no que você entrega. Sendo assim, mostrar novas formas de atuação pode ser o caminho.

Já mostramos aqui no blog outras formas de fazer a diferença para o seu cliente. Uma delas é o cálculo do Ponto de Equilíbrio, que pode trazer informações sobre a gestão financeira de uma empresa. 

Calculando o índice de TurnOver do seu cliente

Existem várias formas de calcular a rotatividade  de uma empresa. O jeito de fazer a apuração está ligada ao objetivo para o qual está sendo coletado o dado.

Por isso, nesse artigo vamos focar em duas delas, pois o nosso objetivo aqui é ajudar o seu cliente a reter talentos em sua empresa. Vamos nessa?

Contratações x Demissões

Para calcular o TurnOver de uma empresa é preciso considerar as entradas e saídas de colaboradores em um determinado período.

Aqui vamos usar um tempo de 06 meses para fazermos o cálculo. Definido prazo, agora precisamos saber quantos funcionários entraram e quantos saíram da empresa nesse período e encontrar a média entre eles.

Então, para o nosso exemplo, vamos supor que entraram 6 funcionários e saíram 4. Sendo assim, a média entre eles é de 5. Depois disso, vamos dividir esse número pela quantidade de funcionários existentes na empresa durante o período analisado. Aqui nosso exemplo, a empresa contava com uma média de 20 funcionários.

Ou seja, o índice de rotatividade foi de 0,25. Em porcentagem, o índice de TurnOver da empresa foi de 25% em seis meses. Com base nesse número você e seu cliente conseguem analisar o gasto com contratações e demissões.

Vale lembrar aqui que funcionários prestes a sair da empresa tendem a produzir menos, assim como os que estão entrando precisam de um período de adaptação. 

Demissões

Outra forma de calcular o TurnOver é considerando apenas as demissões. Nesse caso, você conseguirá medir a taxa de saída de funcionários e identificar possíveis problemas. Vamos à fórmula?

Para chegar a esse dado basta pegar o número de pessoas que saíram em um determinado período, dividir por dois e o resultado dividir pelo número médio de funcionários da empresa naquele período. O resultado encontrado você multiplica por 100 e aí terá o índice de saída da empresa do seu cliente.

Usando o mesmo exemplo anterior teríamos a saída de quatro funcionários e uma média de 20 funcionário nos últimos seis meses. Assim a conta ficaria 4/2/20*100. Ou seja, a taxa de TurnOver no período analisado foi de 10%.

É possível também usar essa fórmula para calcular o índice de uma determinada área ou setor. Ou seja, com os dados apurados você consegue ajudar o seu cliente a tomar decisões relativas à gestão de pessoas, por exemplo. 

Como reter talentos?

As novas tecnologias criaram, também, novos jeitos de empreender e revolucionaram o ambiente de negócios em todo o mundo. Com as startups, abrir uma empresa e tirar uma ideia do papel ficou muito mais fácil. 

Nesse sentido, outro desafio começou a ficar evidente. Como manter os talentos dentro das empresas, mesmo com tanta competitividade? Bom, após calcular o turnover é possível identificar os problemas que estão levando os funcionários do seu cliente para outros lugares.

Veja alguns exemplos de problemas:

  • Baixos Salários
  • Falta de plano de carreira
  • Estagnação de mercado
  • Gestão de pessoas ineficaz
  • Acúmulo de funções

Identificado qual o problema é só entregar as informações para o seu cliente para que ele possa tomar as providências necessárias, ou, você mesmo pode sugerir possíveis soluções.

Espero que tenha entendido a importância do TurnOver e como calculá-lo. Ficou com alguma dúvida? Quer saber mais sobre como agregar valor ao seu trabalho? Acesse nosso artigo sobre a contabilidade do futuro e conheça novas formas de atuar para o seu escritório de contabilidade.

Escrito por

João Vitor Fernandes - Analista de Conteúdo

João Vitor é jornalista, pós-graduado em Marketing para Mídias Sociais e Especialista em Produção de Conteúdo com certificações em Inbound Marketing e Blogues Corporativos. Atualmente atua como Analista de Conteúdo na Mastermaq.

Confira nossos outros posts