Desvendamos 4 mitos sobre segurança na nuvem para você!

Entenda como o trabalho remoto pode ser feito com segurança e agilidade

17 de abril de 2020

O contexto atual tem modificado nosso modo de enfrentar desafios. O principal deles é continuar o trabalho e manter o isolamento social. Neste sentido, o trabalho home office tem sido uma alternativa interessante. Porém, ainda hoje temos dúvidas sobre a segurança na nuvem, ou seja, posso trabalhar de casa e me sentir seguro?

A maioria das organizações estão incorporando a Cloud Computing — Computação em nuvem — como uma solução válida para possibilitar o trabalho remoto em sua empresa. Porém, lidamos com informações extremamente importantes dos clientes, e muitas vezes privadas, que devem ser muito bem guardadas.

Neste artigo, nós vamos desvendar 4 mitos para que você não tenha nenhuma dúvida em relação a segurança dos dados em seu trabalho remoto! Vamos nessa?

1. A nuvem oferece menos segurança

Claro que a segurança dos dados é fundamental para o seu escritório de contabilidade. Assim, não é de se estranhar que você fique com o pé atrás antes de migrar para a nuvem, mas essa suposta falta de segurança é um dos maiores mitos da computação na nuvem.

Na verdade, os riscos são os mesmos encontrados em soluções de TI tradicionais. A diferença é que, quando operando na nuvem, a segurança não é uma responsabilidade somente da equipe de TI do negócio, mas sim compartilhada com o provedor dos serviços de hospedagem na nuvem. Felizmente, um bom provedor vai garantir as medidas necessárias de segurança, incluindo criptografia avançada e firewall para a detecção de invasores.

Além disso, contar com soluções de backup na nuvem vai te trazer mais segurança do que se estive no seu desktop.

2. Os provedores acessam os dados dos clientes

Ao contrário do que algumas pessoas dizem, os provedores de serviços na nuvem não se importam com o conteúdo dos dados de seus clientes, mas sim com a segurança deles.

Ou seja, que esses dados não sejam perdidos ou acessados por pessoas não autorizadas. Seus arquivos só poderão ser vistos caso haja a autorização, já que é para isso que as cláusulas de privacidade servem.

Afinal, se os dados dos seus clientes vazarem, significa que este provedor falhou em algum momento e isso pode ser ruim para a imagem deles. Ou seja, você e seu cliente não tem com o que se preocupar.

dataprev

3. Problemas com a migração

Caso o escritório decida migrar para outro sistema na nuvem, existe também o medo da perda de dados. Você não precisa se preocupar com isso! É possível exportar todos os dados, quando for necessário, para o lugar que você deseja. O pequeno problema que pode ocorrer é a incompatibilidade entre as ferramentas, algo que pode ser tratado facilmente com a empresa contratada.

4. Segurança na nuvem é um novo desafio

Ao contrário do que muitos pensam, a segurança é um ponto que vem sendo pensado desde sempre nos serviços de computação em nuvem. Veja alguns recursos de segurança que são oferecidos em serviços de cloud computing:

  • suporte e serviços dedicados à atender questões de segurança;
  • criptografia de dados;
  • controle de acesso e identidade;
  • testes de segurança;
  • infraestrutura com foco na segurança.

As empresas que oferecem serviços de computação em nuvem geralmente disponibilizam uma inteligência maior contra ameaças. Elas conseguem detectar os ataques de forma mais rápida!

Agora que você já sabe que a segurança na nuvem é algo bastante eficaz, que tal conhecer mais sobre como otimizar o trabalho home office no seu escritório? Nesse artigo, a gente traz 8 ferramentas incríveis para você trabalhar de casa com agilidade e confiança. Espero que goste.

Escrito por

João Vitor Fernandes - Analista de Conteúdo

João Vitor é jornalista, pós-graduado em Marketing para Mídias Sociais e Especialista em Produção de Conteúdo com certificações em Inbound Marketing e Blogues Corporativos. Atua como Analista de Conteúdo na Mastermaq.

Confira nossos outros posts