Tudo que você precisa saber sobre o que é Defis!

Você já sabe que os seus clientes optantes pelo regime tributário Simples Nacional devem cumprir diversas obrigações durante o ano, certo? Uma delas é a entrega da Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais – a Defis -, que neste ano deve ser enviada até o dia 31 de março.

A Defis foi instituída através da Lei Complementar nº 123, de 2006 e vem sofrendo alterações ao longo dos anos. Mas não se preocupe! Neste artigo você vai ficar sabendo o que é DEFIS, para que ela serve, quem deve declarar e quais são os prazos de entrega. Quer entender melhor essa obrigação? É só continuar a leitura!

O que é Defis?

Ela é uma obrigação que deve ser enviada pelas empresas do Simples Nacional. Ela recolhe dados sobre a situação do negócio do seu cliente em relação às questões econômicas, sociais e fiscais.

Por isso, ela reúne informações como: ganhos de capital, quantidade de empregados, identificação e rendimentos dos sócios, saldo de caixa e total de despesas durante determinado período. Além disso, ela também comunica e comprova para o Governo Federal o que a empresa recolheu de tributos.

Muita gente acredita que essa Declaração é a mesma coisa que o Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ). Mas atenção! Essas duas obrigações não têm a mesma função. O IRPJ é a declaração de um imposto pago pelas empresas e a Defis registra diversas outras informações.

Como você pode ver, essa é uma Declaração muito importante para os seus clientes que são optantes do Simples Nacional. Mas para entender o que é a obrigação você precisa saber quem exatamente precisa entregá-la. Veja isso no tópico a seguir!

Quem deve entregar a Defis 2018?

Todas as empresas que estiveram enquadradas no Simples Nacional durante algum período de 2017 devem entregar a Defis 2018.

É importante lembrar que empresas optantes por esse regime tributário que estão ou estiveram inativas também vão ter que transmitir a Defis. Empresas inativas são aquelas que não tiveram mudanças patrimoniais e nem atividades operacionais durante certo período.

Agora que você já sabe quem deve entregar e identificou para quais clientes você vai precisar transmitir a Defis, é hora de saber quais são os procedimentos e prazos que você deve cumprir.

Quando entregar a Defis?

Afinal, a entrega é anual ou mensal? Algumas pessoas confundem isso por causa do Documento de Arrecadação do Simples Nacional (DAS), que é por onde as empresas pagam seus tributos de forma unificada através de uma guia. Mas atenção: o DAS é diferente da Defis!

A Defis é uma obrigação anual que deve ser entregue até o último dia útil de março. As informações declaradas devem se referir ao ano-calendário anterior ao da entrega. Então, se você vai transmitir essa Declaração em 2018, os dados devem ser de 2017.

Não existe multa para atrasos na entrega da Defis. Mas se você atrasar o envio dessa obrigação, o seu cliente não vai poder emitir a guia da DAS nos próximos meses e isso sim vai gerar multas. Por isso, fique atento ao prazo para não gerar prejuízos para o seu cliente e o escritório em que você trabalha: a Defis 2018 deve ser entregue até o dia 31 de março!

Como fazer a transmissão?

Para entregar a Defis você precisa inserir as informações do seu cliente no Programa Gerador do Documento de Arrecadação Simples Nacional (PGDAS-D) – ele está disponível para ser acessado neste link no site da Receita Federal. Você vai precisar usar o certificado digital da empresa, o código de acesso ou uma procuração eletrônica para fazer a transmissão.

Agora que você já sabe mais sobre o que é Defis, quer entender tudo sobre como gerar a Declaração? Então confira este artigo que nós preparamos para você!

Mastermaq

Com mais de 25 anos de experiência, a Mastermaq oferta produtos e serviços baseados em softwares para todo o território nacional. Contamos com uma rede especializada que atende em todas as regiões do país, envolvida no acompanhamento de milhares de contratos ativos.

LEIA TAMBÉM