Desenvolvimento pessoal: por que incentivar o funcionário é importante?

Quando falamos em desenvolvimento pessoal, costumamos pensar apenas na vida fora do trabalho. Só que, neste caso, o senso comum está um tanto quanto errado. A partir do momento que alguém evolui pessoalmente, ele também pode melhorar como funcionário. Se o colaborador é um recurso da empresa, ele deve ser sempre lapidado.

Por isso, é importantíssimo buscar meios para desenvolver o ser humano. Enxergando o funcionário como uma pessoa,  fica mais fácil conhecê-lo e utilizar suas habilidades em ações de RH estratégico. Mas cuidado para não confundir: desenvolvimento pessoal e profissional são coisas diferentes, embora as duas estejam interligadas!

Não precisa se assustar! Vamos te explicar mais sobre esses conceitos e dar dicas para lapidar o seu colaborador. É só seguir a leitura do nosso artigo.

Desenvolvimento pessoal X Desenvolvimento profissional

Se estamos falando de recursos humanos, costumamos pensar automaticamente em desenvolvimento profissional. Mas, atualmente, as empresas têm entendido que precisam também criar momentos que valorizem o funcionário fora da empresa.

O conceito de desenvolvimento profissional é puramente técnico, sendo alcançado com análises nas respectivas áreas. São avaliados os conhecimentos do colaborador na profissão para gerar um plano de carreira, de preferência com crescimento contínuo. Ele também não tem data de início ou fim, tendo uma aplicação constante.

Por sua vez, o desenvolvimento pessoal trabalha as habilidades e competências que auxiliam fora e dentro do trabalho. E quais seriam algumas dessas competências? Comunicação interpessoal, controle de tempo e emocional, dentre outras tantas.

Entendido isso, é hora das dicas para desenvolver o seu funcionário.

1) Incentive o aprendizado do seu funcionário

Todo desenvolvimento começa com aprendizado. Com o desenvolvimento pessoal, não é diferente. Para que as habilidades do funcionário sejam aprimoradas, ele precisa e pode aprender mais.

Isso não quer dizer que ele deve aprender apenas ferramentas de trabalho. Ele pode desenvolver habilidades para o controle de demandas, estruturação de processos e um gerenciamento de tempo que possa agilizar as entregas. O rendimento do colaborador aumenta e o valor do seu produto, consequentemente, também. E, é claro, a motivação é garantida!

2) Crie metas – pessoais e profissionais!

As metas são tudo aquilo que queremos alcançar, mas ainda não conseguimos. Quando as definimos, nos desafiamos para chegar lá o quanto antes. Metas fazem com que o seu funcionário se dedique para provar que ele é capaz. Ou seja: ele ganha e a sua empresa também!

Seu colaborador quer se destacar? Coloque como meta um novo curso. Ele quer ser mais pontual? Inclua uma premiação quando ocorrer. Dê pequenas conquistas para que o funcionário se sinta mais valorizado.

3) Aprimore as qualidades com treinamentos (não só os técnicos)

Lembra dos aprendizados, que falamos no primeiro tópico? Aqui, aprimorar as qualidades do funcionário está altamente interligado com incentivar o estudo. Hoje, existem cursos de coach para o desenvolvimento de habilidades no trabalho, como aprimoração de liderança e outras ferramentas para melhorar a comunicação. Falando em comunicação…

4) Faça-o ouvir (e falar também!)

Investir na comunicação é a essência das novas empresas! Os modelos burocráticos estão sendo substituídos por organizações que priorizam a comunicação vertical, onde a todos escutam antes de falar. Incentive o seu funcionário a falar, mas a ouvir principalmente. Só quando a gente escuta é que sabemos o problema do outro. Ouvir os problemas da empresa é a forma mais rápida de solucionar uma dificuldade.

Agora, é só investir no desenvolvimento pessoal do seu funcionário para colher resultados duradouros! No nosso blog, temos conteúdos sobre as rotinas de RH, inclusive sobre o banco de horas e como funciona a lei. Clique aqui e entenda como trabalhar o horário de seus funcionários!

Mastermaq

Com mais de 25 anos de experiência, a Mastermaq oferta produtos e serviços baseados em softwares para todo o território nacional. Contamos com uma rede especializada que atende em todas as regiões do país, envolvida no acompanhamento de milhares de contratos ativos.

LEIA TAMBÉM